Historia de Genebra
Hotel Beau Rivage - Foto: Zeke
Hotel Beau Rivage - Foto: Zeke

No século XVI, a independência da cidade é ameaçada pelo Casa de Saboia e pede ajuda aos cantões de Friburgo e Berna. A Reforma Protestante triunfou em 1535. Politicamente a cidade é então uma república. João Calvino instala-se na cidade em 1536 e foi expulso em 1538 em razão da sua intolerância mas foi acolhido de novo em 1541 aonde ficou até à sua morte em 1564. Depois do massacre da noite de São Bartolomeu (24 de Agosto de 1572) um grande número de protestantes, em particular franceses e italianos perseguidos nos seus países, encontram abrigo em Genebra. Por essas altura Calvin e Teodoro de Beza criam um grande movimento religioso e intelectual e oa refugiados ajudam a levantar a economia.

Na noite do 11 de dezembro de 1602, o duque de Saboia tentou invadir a cidade. A derrota dos Saboia é festejada todos os anos durante a festa da escalada. Depois da revogação do Édito de Nantes em 1685, as medidas tomadas em França por Luís XIV contra os protestantes provocaram uma segunda vaga de refugiados. A falta de alimentos ressentida na época está na origem do Jeûne genevois, o jejum genebrino, celebrado na quinta-feira seguinte ao primeiro domingo de setembro com a torta de ameixas, feita com o único alimento que nessa época do ano havia em abundança. O século XVIII foi um período de grande prosperidade para a indústria genebrina, o comércio e a banca. Mas a cidade foi dividida por guerras civis.

Em 1792, a Revolução Genebrina desfez o governo aristocrático do Antigo Regime e proclamou a igualdade política. Em 1798, durante a Revolução Francesa, Genebra foi anexada pela França e integrada ao departamento do Léman. Adquiriu de novo a liberdade com a derrota das tropas napoleónicas em 1883. Os magistrados da república pedira a sua entrada na Confederação Suíça, o que lhe foi concedido em 1815 no Congresso de Viena com a 10 km² ganhos sobre a França e vinte e quatro comunas ganhas de Saboia. Em 1846, James Fazy derrubou o governo da Restauração e estabeleceu a constituição que ainda hoje governa a República de Genebra.

Em Datas de Versoix mostram-se cronologicamente as interacções entre os diferentes interesses nesta região. A constituição redigida a 24 de maio de 1847 começa por dizer 'A república e cantão de Genebra forma um dos cantões soberanos da Confederação Suíça'.

Fonte: Wikipédia

Conheça mais sobre Genebra
Destinos Suiça
Publicidade