O que fazer em Munique
Teatro nacional de Munique - Foto: Luidger (Licença-cc-by-sa-3.0)
Teatro nacional de Munique - Foto: Luidger (Licença-cc-by-sa-3.0)

Em Munique, existem inúmeros atrativos turísticos a serem explorados e dentre esses, selecionamos os quais consideramos como os mais importantes, além de interessantes:

Campo de concentração
Conhecer sobre a história do campo de concentração, à exemplo de como viviam e eram tratados os prisioneiros, tristes depoimentos de sobreviventes, além de textos e inúmeros objetos da época, serão encontrados através de sua visita, ao 'Campo de concentração de Dachau', fazendo um profundo mergulho na parte mais sombria da história Alemã. Há tambbém no local, o 'Memorial Judeu', bem como, outros templos de outras religiões, instalados como uma forma de prestar homenagem aos que padeceram alí. No local, existem guias que falam em oito idiomas e o acesso é gratuito, contudo, para quem desejar, o centro disponibiliza um áudio tour completo, que deve ser pago.

Imponentes torres
Considerada como um dos principais cartões-postais mais conhecidos de Munique, a 'Igreja de Nossa Senhora Frauenkirche', é sem dúvidas um atrativo que não deve ficar de fora de sua programação. Suas imponentes torres podem ser vistas a partir de várias partes, sendo pontos de referência na cidade. A catedral foi extremamente danificada por ataques aéreos no período da segunda guerra mundial, onde, muito do seu acervo artístico, permaneceu intacto. Há também na igreja, o túmulo do 'Imperador Ludwig IV da Baviera', bem como, algumas obras de arte importantes, à exemplo de uma pintura de Jan Polack de 1510 e um retábulo produzido por Friedrich Pacher de 1483.

Preciosidades religiosas
Há também na cidade, outras duas preciosidades religiosas que merecem sua visita, como a 'Igreja de St. Peter', de onde, inclusive, se as condições climáticas estiverem boas, pode-se além de visualizar a cidade, contemplar a belíssima região dos 'Alpes da Baviera' e a imponente 'Igreja Theatiner', a qual foi erguida em 1663 e onde estão os restos mortais da família Wittelsbach, governante da Bavária entre 1385 a 1918. No seu interior, na cor branca, colunas coríntis e elementos em estuque, possue inúmeras obras de arte diversas. Localizada a oeste da Odeonsplatz, a belíssima igreja, iniciou o seu processo no ano de 1663.

Castelo de contos de fada
Um belo castelo localizado em uma região montanhosa de uma floresta e bem próximo de uma cascata, o 'Neuschwanstein' o castelo de contos de fada, não deve ficar fora de sua lista. Esse belíssimo castelo recebe mais de um milhão de turistas anualmente, sendo que, só no período do verão, são em torno de 6 mil pessoas por dia. Há de se registrar que esse belo castelo, teria inspirado Walt Disney durante a construção do castelo da Cinderela. Outro fato interessante é que o castelo foi construído pelo rei da Baviera Ludwig II, mais conhecido como o rei louco, sendo que, só foi possível usufruir dele, por tão somente 170 dias, até sua morte.

Relógio mecânico com bonecos
Com um relógio mecânico, instalado no alto da torre, e que atrai a atenção dos visitantes ao executar uma musica com os bonecos em miniatura movimentando-se, vale muito a pena conhecer a 'Praça Virgem Maria'. Os horários de suas execuções, saõ sempre pontualmente à 11h, 12h e 17h. Bem ao lado, você vai encontrar o prédio da Nova Prefeitura da cidade (Neues Rathaus), uma imponente construção gótica do século XIX.

Conheça mais sobre Munique
Destinos Europa
Publicidade