Burrinha

Burrinha - Foto: Prefeitura de Santo Amaro
Burrinha - Foto: Prefeitura de Santo Amaro

A burrinha consiste em um indivíduo mascarado, que possui na cinta um balaio bem aconticionado, de modo a simular um individuo, cavalgando num animal. Consiste em um indivíduo mascarado, fantasiado de burrinho, que traz na cabeça folhas de flandres. A música se compõe de viola, ganzá e pandeiro. O divertimento assemelhava-se aos ternos; a diferença estava, apenas, na presença da burrinha dançando, e nas chulas. O rancho da burrinha, que tirava “reis” no dia 6 de janeiro, convergiu, em outras regiões, para o bumba-meu-boi, onde aparece, dançando, ao som das cantigas.

Participa, igualmente, do folclore, no carnaval de rua, a interessante figura da burrinha, personagem desgarrada, com certeza, de algum auto popular do bumba-meu-boi. De fato, essa burrinha saltitante e brejeira, deve de ser parente do cavalo-marinho, que figura em qualquer destes velhos folguedos do boi: o bumba-meu-boi do Nordeste, o boi de mamão de Santa Catarina, ou o rei de boi capixaba, de São Mateus e Conceição da Barra.

A burrinha carnavalesca é preparada pelo mesmo processo por que se faz o cavalo-marinho: a cabeça é de pau ou papelão grosso, e representa a cara do animal, com orelhas e crina, os olhos, as ventas e a boca pintada etc. A armação do corpo é, em regra, de madeira, forrada com panos vistosos e compridos; na parte traseira — o rabicho.

O cavaleiro 'veste' essa armação, e, puxando as rédeas presas à boca do 'bicho', movimenta-o, à vontade, em trotes ou galopes, com os próprios pés a fingirem de pata, e mal aparecendo sob a cobertura de pano. Está-se a ver que, nestas condições, a burrinha tem apenas dois pés. Às vezes, para melhor dar a impressão da montaria, cosem-se-lhe duas pernas recheadas de pano, uma de cada lado do 'selim', fingindo pernas e botas do 'peão'.

Onde assistir: Cruz das Almas, Itaparica, Maragogipe, Prado e Jiquiriçá.

Burrinha - Foto: Prefeitura de Santo Amaro
Burrinha - Foto: Prefeitura de Santo Amaro
 Veja também
Manifestação erudita para os grupos que cantam e dançam na véspera e no dia de Reis, que é realizada no dia 6 de janeiro- conhecida também como Epifania. A festa celebra a adoração dos Reis para com o Menino Jesus Cristo.Saiba mais
São personagens fantasiados, que saem às ruas em meio asos festejos carnavalescos. Cada membro porta uma mascara de papelão coloridaSaiba mais
Homens que se apresentam em trajes esportivos, onde os mesmos tocam caixa, bumbo, trombone e clarinete, com o objetivo de anunciar a festa que se aproxima.Saiba mais
Destinos Bahia
Publicidade