Oktoberfest

Oktoberfest de Santa Cruz - Desfile - Foto: Site Oktoberfest de Santa Cruz
Oktoberfest de Santa Cruz - Desfile - Foto: Site Oktoberfest de Santa Cruz

A Oktoberfest se espelha na festa do mesmo nome realizada em Munique, na Alemanha, desde 1810, quando o então Rei Luis I, para comemorar o seu casamento com a princesa Tereza da Saxônia, organizou uma festa com uma corrida de cavalos. Com o sucesso da festa, o evento passou a ser realizado todos os anos, sendo introduzidas diversas atrações inclusive a cerveja.

Hoje a Oktoberfest de Munique, recebe anualmente quase 10 milhões de pessoas que consomem aproximadamente 7 milhões de litros de cerveja, transformando-se numa das maiores festas populares do mundo.

A tradição desse festival veio junto com os imigrantes alemães, que já promoviam festas típicas há muitos anos nos Clubes de Caça e Tiro. Muita música, comida, cerveja e danças típicas, transformaram a Oktoberfest numa das maiores festas populares do Brasil.

O Parque da Oktoberfest possue uma área de 14 hectares localizada na região central de Santa Cruz do Sul e destaca-se por sediar anualmente a maior festa germânica do sul do País e que dá nome ao próprio parque.

O espaço é dotado de infraestrutura para a realização de eventos esportivos, de lazer e turismo. Para isso, conta com um Ginásio Poliesportivo com capacidade para 8 mil pessoas, onde realizam-se shows musicais, eventos culturais e torneios esportivos. O Parque da Oktoberfest também agrega um campo de futebol, pista atlética, quadras de basquete e futsal, pista de bicicross e pavilhões para feiras e exposições.

Os turistas que visitam a Oktoberfest, ficam encantados com as belas danças típicas alemãs de vários grupos folclóricos, infantis e adultos, que desfilam toda a cultura através da arte originada dos colonizadores. As apresentações são realizadas dentro Parque e no Pavilhão Central, durante todo o dia.

Na gastronomia germânica, a Oktoberfest oferece, durante todos os dias da festa, aulas gratuitas de culinária, em parceria com a Escola de Gastronomia do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). As oficinas são ministradas por professores e chefs renomados ligados ao Senac-RS e por talentos locais. A maioria das iguarias são inspiradas na gastronomia alemã, e variam das mais elaboradas até as mais simples.

Durante a festa também acontecem lindas Celebrações Ecumênicas que contam com a colaboração da Igreja Católica Apostólica Romana (ICAR), da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB) e da Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB). O momento de celebração tem o objetivo de fortalecer a integração e agradecer todas as dádivas de Deus.

Uma das principais atrações musicais da Oktoberfest da cidade de Santa Cruz do Sul, são as bandinhas típicas alemãs. A alegria também é garantida por bandas e artistas de outros estilos musicais, que são responsáveis em animar os bailes do Pórtico, Lonão e Pavilhão Central. Assim, é a Festa da Alegria, com atrações para todos os gostos e estilos, o que vem a fortalecere abrilnhantar ainda mais a diversidade do público que prestigia o evento. 

VER MAIS 14 FOTOS
 Veja também
Festividade tradicional, sedimentada nos acontecimentos referidos pela Sagrada Escritura e herança que nos legaram os portugueses colonizados. Desenvolve-se, em síntese, assim: O 'terno', chegando à...Saiba mais
É a festa junina mais popular do estado, com os gaúchos acendendo fogueiras em incontáveis municípios. Ocorre, porém, frequentemente um erro: as fogueiras são acesas na véspera de São João e não...Saiba mais
No Rio Grande do Sul as festas de junho estão ligadas ao solstício de inverno e são quatro, os santos do mês: Santo Antonio (13), São João (24) e São Pedro e São Paulo (29). São festas importantes no...Saiba mais
Destinos Rio Grande do Sul
Publicidade