Recife - Cultura - Fortes
Recife-Cap- Forte de Santa Cruz de Itamaracá - Foto- Luci Correia - (Licença cc-by-sa-2.0)
Recife-Cap- Forte de Santa Cruz de Itamaracá - Foto- Luci Correia - (Licença cc-by-sa-2.0)

Principais Fortes de Recife

Forte das Cinco Pontas
Foi construído em 1630 pelos holandeses. Originalmente, era feito de taipa. Os portugueses o chamavam de Forte das Cacimbas. A fortaleza foi totalmente destruída em 1677 e restaurada por Fernandes Vieira, desta vez, reconstruído com apenas quatro pontas. No também denominado Forte de São Tiago, encontra-se um monumento em homenagem a Frei Caneca, que foi líder da Confederação do Equador. O local também funciona como Centro Turístico e abriga o Museu da Cidade do Recife e o Teatro do Forte. O forte fica no Largo das Cinco Pontas s/n - São José - Recife. Horário de visitas: Terça a sexta, das 9h às 18h; aos sábados e domingos das 13h às 17h. E-mails: museudacidadedorecife@bol.com.br e museudacidadedorecife@hotmail.com.

Forte do Brum
Construído em 1629, o Forte do Brum era uma estratégia de proteção da entrada do porto do Recife. Em 1669, a fortaleza foi parcialmente destruída. O local só foi restaurado 21 anos depois. O Forte do Brum serviu de abrigo aos refugiados da Revolução Pernambucana de 1817. Hoje, funciona como um museu militar, que exibe armas, canhões, fotos e até o esqueleto de um soldado da época da invasão holandesa. Abriga a Capela de São João Batista. Fica na Praça Comunidade Luso Brasileira s/n - Recife Antigo. Está aberto à visitação de terça a sexta-feira, das 9h às 16h30; e aos sábados e domingos e feriados, das 13h30 às 17h. E-mail: fortedobrum@yahoo.com.br.

Forte de São Francisco
Construído no final do século XVI, o Forte de São Francisco está localizado na avenida Beira-Mar de Olinda. A arquitetura simples e rústica tem estilo colonial. É também conhecido como 'Fortim do Queijo'. Fica no Largo do Fortim, bairro do Farol (Olinda).

werwre
Conheça mais sobre Recife
Conheça Recife
Publicidade