Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanHindiItalianJapanesePortugueseRussianSpanish

Rios

Rio Paraná - Foto: Marcelo Algarte
Rio Paraná - Foto: Marcelo Algarte

Principais Rios do Paraná

O potencial hídrico do Paraná é de fazer inveja a outros estados. Afinal, é graças a essa riqueza que os paranaenses contam com uma das sete maravilhas naturais do planeta, as Cataratas do Iguaçu. Também por conta desse potencial que o estado sedia a hidrelétrica de Itaipu, a maior do Brasil e que gera energia para países vizinhos. Abastecimento da população, suporte para a agropecuária, fonte de energia e belos cenários. Isso é o que proporcionam os principais rios paranaenses, os quais você conhece agora:

Rio Paraná
O rio Paraná nasce entre os estados de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul, na confluência dos rios Grande e Parnaíba. Com uma dimensão total de 3.998 quilômetros seria o nono rio mais extenso do mundo, caso fosse contado o trecho do rio Paranaíba. No estado do Paraná, ele demarca a fronteira entre Brasil e Paraguai até a foz do rio Iguaçu. Naquela região está a usina-barragem de Itaipu.

Rio Paranapanema
Divisor natural dos estados de São Paulo e Paraná, o Paranapanema tem uma extensão total de 929 quilômetros, mas boa parte dela em território paulista. Sua bacia hidrografia compreende uma área de 106 mil quilômetros quadrados, abrangendo 247 municípios onde vivem cerca de 4,8 milhões de habitantes. O rio concentra 5% da produção hidrelétrica nacional e importantes áreas de produção agropecuária.

Rio Iguaçu
Afluente do Paraná, o Iguaçu é o maior rio do estado. Formado pelo encontro dos rios Iraí e Atuba na parte leste de Curitiba, ele desagua nas Cataratas do Iguaçu, as maiores quedas em volume de água do planeta. Há divergências quanto à sua extensão: enquanto alguns autores afirmam ser de 910 quilômetros, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente aponta 1.320 quilômetros. Sua navegação foi iniciada em 1891.

Rio Tibagi
O Tibagi tem 550 quilômetros, sendo bastante usado para a prática de canoagem e rafting em função da grande quantidade de corredeiras. Suas nascentes se localizam entre os municípios de Campo Largo, Palmeira e Ponta Grossa, enquanto sua foz fica na divisa entre os estados de Paraná e São Paulo. A bacia do Tibagi se estende por 41 municípios, cobrindo mais de 25 mil quilômetros quadrados no território paranaense.

Rio Ivaí
O rio Ivaí nasce em Prudentópolis, na região central, e banha o estado do Paraná em toda sua extensão. Após percorrer inúmeros municípios, o rio Ivaí deságua em um braço do rio Paraná. Uma de suas características é a cor das águas, que na maior parte do ano é marrom ou vermelha. Com 560 quilômetros, é considerado o maior rio totalmente paranaense, já que o Iguaçu banha também trechos do estado de Santa Catarina.

Rio Piquiri
Um dos principais afluentes da margem esquerda do rio Paraná, nascendo em Campina do Simão, na região centro-sul do estado, passa por vários municípios. Com 485 quilômetros de extensão, suas margens chegaram a ser palco da Guerra do Paraguai. O uso mais significativo da água é o abastecimento público, principalmente obtido por meio da captação subterrânea e voltada para o consumo humano e de animais.

 

Fonte: Anderson Gonçalves, especial para a Gazeta do Povo

 

VER MAIS 5 FOTOS
 Veja também
Para os viajantes que apreciam a mescla de história e natureza. Repletas de histórias e belezas naturais, 260 grutas e cavernas estão oficialmente cadastradas dentro do Paraná. Muitas delas, de difícil acesso a...Saiba mais
O Paraná abriga duas das maiores cachoeiras do Brasil, o Salto São Francisco e o São Sebastião, que ficam na região de Prudentópolis, conhecida como a “Terra da Cachoeira Gigante”. E claro, não podemos deixar de...Saiba mais
As lagoas também apresentam grande atratividade, como a Lagoa Xambrê, que é a maior lagoa marginal do estado do Paraná. Possui 5 mil metros de extensão por 3 mil metros de largura, sendo formada praticamente...Saiba mais
Destinos Paraná
Publicidade