Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanHindiItalianJapanesePortugueseRussianSpanish

Cachoeiras

Cachoeira de São Romão (Carolina) - Foto: Deltafrut (Licença-cc-by-sa-2.0)
Cachoeira de São Romão (Carolina) - Foto: Deltafrut (Licença-cc-by-sa-2.0)

Principais Cachoeiras do Maranhão

Não é por acaso que Carolina, cidade que fica a 800 quilômetros de São Luís, no sul do Maranhão, é chamada de Paraíso das Águas. Aqui, nesse território de pouco mais de seis mil quilômetros quadrados, já foram encontradas exatamente 89 cachoeiras e mais de 400 nascentes. Para você ter uma ideia, só no Complexo da Pedra Caída, que eu visitei quando estive na cidade, estão 25 quedas d’água.

Cachoeiras de Carolina - Em Carolina-Ma

Cachoeira de São Romão
É a mais volumosa da região e fica dentro da área do Parque Nacional. Chegar aqui não é tão simples, mas vale à pena. São 85 quilômetros de viagem sendo que 50 deles em estrada sem calçamento. Esse trecho é até razoável, mas é praticamente todo em areia e isso significa que apenas carros traçados conseguem passar. Há ainda várias bifurcações, riachos e porteiras – ou cancelas, como chamam aqui – pelo caminho. Portanto, a melhor opção é estar acompanhado de um guia.

Aqui, aproveite para caminhar por trás da cortina d’água e observar como as andorinhas fazem um balé aéreo passando pela queda para chegar ao paredão de rocha que a sustenta.
Visite a cachoeira no período da tarde, quando o sol a ilumina de frente. No local há banheiros e um bar. Não é permitido acampar na área da Cachoeira de São Romão.

Cachoeira da Prata
Ela fica a 30 quilômetros da Cachoeira São Romão e para chegar aqui passo por um uma estrada bem arenosa. Na verdade, essa cachoeira é um conjunto de quedas d’água que se transformam em uma só durante o período chuvoso. Há ainda um grande lago que se forma antes da queda principal onde você pode nadar tranquilamente. O Rio Farinha, onde está a cachoeira, faz divisa dos municípios de Carolina e Estreito, em suas margens há pequenos bancos de areia onde você também pode se banhar. Visite esta cachoeira no período da manhã, quando o sol a ilumina de forma mais completa refletindo nela tons prateados – por isso ela tem o nome de Cachoeira da Prata. Para chegar bem perto da queda d’água é preciso fazer uma caminhada de cinco minutos por uma trilha bem fácil.

Cachoeira Aldeia do Leão
A apenas 10 quilômetros do Centro de Carolina, essa ainda é uma cachoeira pouco conhecida. A queda d’água não é grande, mas forma uma piscina natural ideal pra quem quer tranquilidade e um pouco mais de sossego.

Cachoeira de Itapecuru
Essa cachoeira fica no povoado de São João das Cachoeiras, a 30 quilômetros do centro de Carolina. Nesse trecho, 1,2 quilômetro não tem calçamento, mas a estrada é boa e permite que carros de passeio cheguem com tranquilidade. Também chamadas de Cachoeiras Gêmeas, essas quedas d’água formam um grande lago onde você pode nadar com tranquilidade e até mesmo passear de caiaque, Na margem esquerda do rio, observe as ruínas da antiga hidrelétrica que é considerada a primeira de toda a Região Norte e Nordeste.

Balneário Queda D’água
Esse balneário, que na verdade não tem cachoeiras, fica no caminho para a Cachoeira de Itapecuru. As piscinas, que hoje servem para diversão de quem chega aqui, se formaram pela barragem da antiga hidrelétrica que funcionou nessa área. No balneário há uma pequena ilha que divide o Rio Itapecuru e forma as cachoeiras gêmeas.

Cachoeira do Dodô
Seu Dodô era um sertanejo sem estudo que descobriu sozinho como cuidar da terra e tirar dela o melhor. Assim, viveu anos nesse pedaço de chão encravado no coração da Chapada das Mesas e hoje a cachoeira que leva seu nome é visitada por gente de várias partes do mundo. A Cachoeira do Dodô fica a 33 quilômetros do centro de Carolina, sendo que 1,5 quilômetro não tem calçamento.

Cachoeira Santa Bárbara
Essa é a cachoeira mais alta da região e fica na cidade de Riachão, a 135 quilômetros de Carolina. Com 70 metros de altura ela escorre por um paredão de arenito e forma um lago de água gelada e cheio de graça. A caminhada até ela é feita por trilhas suspensas. A Santa Bárbara fica no Complexo do Poço Azul, onde estão várias outras cachoeiras como a dos Namorados e de Santa Paula. Para chegar aqui você anda por 38 quilômetros de estrada sem calçamento. Mas não se preocupe, pois, a manutenção nela é constantemente e isso ajuda para que veículos de passeio cheguem aqui tranquilamente.

Cachoeira do Santuário
O Complexo da Pedra Caída fica a 36 quilômetros do centro de Carolina e a seis da entrada do Parque Nacional da Chapada das Mesas. Aqui, apenas sete de suas 25 cachoeiras podem ser visitadas. As demais ficam distantes e ainda não estão acessíveis. Para chegar até a Cachoeira do Santuário eu caminho 600 metros por passarelas e rampas suspensas e atravesso cerca de 50 metros dentro do Cânion do Santuário com água até a cintura. A cachoeira fica escondida pelos paredões do cânion e o som da queda d’água é minha única referência. A piscina que se forma na base da cachoeira tem 1,5 metro de profundidade, em média, e uma espeça nuvem de água se espalha pelo ar o tempo todo. Por isso, não reclame se não conseguir tirar aquela foto perfeita.


Cachoeira de São Romão (Carolina) - Foto: Deltafrut (Licença-cc-by-sa-2.0)
Cachoeira de São Romão (Carolina) - Foto: Deltafrut (Licença-cc-by-sa-2.0)
Cachoeira dos Cocais - Foto: Governo do Maranhão
Cachoeira dos Cocais - Foto: Governo do Maranhão
 Veja também
Até o mês de setembro, os visitantes podem contemplar dunas e se banhar nas lagoas formadas pela combinação da água das chuvas e da elevação dos lençóis freáticosSaiba mais
O Maranhão possui a maior porção de manguezais(em torno de 50%) do país, assim como a maior quantidade de baías, estuários, penínsulas, ilhas e arquipélagos costeiros, caracterizando a...Saiba mais
As cavernas identificadas foram a Traqueira, Casa de Pedra e Toca do Morcego, localizadas em São Domingos do Maranhão – MA e a Caverna Élida ou Pedra Escrevida situada em Tuntum - MA. Em algumas...Saiba mais
Destinos Maranhão
Publicidade