Historia de Punta Del Leste
Ilha de Lobos - Foto: Sandra Pineda Arce la Torre (Licenca-cc-by-sa-3-0)
Ilha de Lobos - Foto: Sandra Pineda Arce la Torre (Licenca-cc-by-sa-3-0)

A zona onde hoje se encontra a moderna Punta del Este, com seus edifícios de vanguarda na beira do mar, era antigamente habitada por indígenas. Em 1829, Don Francisco Aguilar (prefeito de Maldonado) fundou o primeiro povoado do lugar, chamado “Villa Ituzaingó”, um povo de pescadores que antecedeu a construção da atual praia. Aguilar viu nesta zona de ricos recursos naturais um lugar propicio para instalar algumas indústrias. A matança de baleias e leões marinhos, o armado de barcos e os saladeiros foram seus principais negócios. Ao falecer Aguilar em 1840, os irmãos Lafone adquiriram as terras da Península e da “Isla Gorriti”.

A localidade passou a se denominar Punta del Este em 1907, quando arribaram os primeiros em passar suas férias, famílias de Montevidéu e da Argentina no barco “Golondrina”. A praia não acabou sua expansão e desenvolvimento desde essa época. Construíram-se as primeiras hospedagens (o Hotel de Pedro Risso –atual Palace-, o Hotel Biarritz e o edifício España) e a “Iglesia de la Candelaria” (em 1909). Já em 1916 Punta del Este contava com instalação elétrica e em 1924 se havia fundado o Yacht Club.

Em 1937, Juanito Abad e Alberto “Pintinho” de Moraes Pinto abriram as primeiras boites e restaurantes, mudando para sempre o estilo de vida da cidade. A promoção internacional de Punta del Este começou nos anos quarenta. Desde esse momento a praia se manteve como o principal destino turístico do Uruguai e um dos mais prestigiosos da América do Sul.

Conheça mais sobre Punta Del Leste
Destinos Uruguai
Publicidade