Rios

Rio Paranaguá - Foto: Rubens Alves - Goiás Turismo
Rio Paranaguá - Foto: Rubens Alves - Goiás Turismo

Principais Rios de Goiás:

Engana-se quem pensa que as características de vegetação de savana, típicas do Cerrado, são reflexos de escassez de água na região. Pelo contrário, Goiás é rico em recursos hídricos, sendo considerado um dos mais peculiares e abundantes Estados brasileiros quanto à hidrografia. Graças ao seu histórico geológico constituído durante milhões de anos, foram depositadas várias rochas sedimentares, entre elas o arenito de alta porosidade e alta permeabilidade, que permitiram a formação de grandes cursos d’água e o depósito de parte de grandes aquíferos, como o Bambuí, o Urucuia e o Guarani, este último um dos maiores do mundo, com área total de até 1,4 milhão de km².

Centro das águas

Nascem, em Goiás, rios formadores das três mais importantes bacias hidrográficas do país. Todos os cursos d’água no sentido Sul-Norte, por exemplo, são coletados pela Bacia Amazônica, dos quais destacam-se os rios Maranhão, Almas e Paraná que dão origem ao Rio Tocantins, mais importante afluente econômico do Rio Amazonas. No mesmo sentido, corre o Rio Araguaia, de importância ímpar na vida do goiano e que divide Goiás com os Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, chegando em Tocantins ao encontro do outro curso que leva o nome daquele Estado, no Bico do Papagaio.

A Bacia do Rio São Francisco tem entre seus representantes os rios Entreribeiro, Paracatu e Preto, os quais nascem próximos ao Distrito Federal e seguem em direção ao Nordeste do país. Enquanto que, por outro lado, corre o rio Corumbá, afluente do Paranaíba, formador da Bacia do Paraná que segue rumo ao Sul, pontilhado dentro de Goiás por hidrelétricas, o que denota seu potencial energético para o Estado.

Serra da Mesa

Em Goiás também está localizado o lago artificial da Usina de Serra da Mesa, no Noroeste do Estado. Considerado o quinto maior lago do Brasil (1.784 km² de área inundada), é o primeiro em volume de água (54,4 bilhões de m³) e, formado pelos rios Tocantins, Traíras e Maranhão, atrai importantes atrativos turísticos para a região, com a realização de torneios esportivos e de pesca, além da geração de energia elétrica.

Rio Paranaíba
O Rio Paranaíba é o principal afluente do rio Paraná. Nasce na serra da Mata da Corda, município de  rio Paranaíba, estado de Minas Gerais, na altitude de 1.148 m. Tem aproximadamente 1.070 km de curso até a junção ao rio Grande, onde ambos passam a formar o rio Paraná, faz a divisa de Goiás e Minas Gerais; tem varias hidrelétricas, como Cachoeira Dourada, São Simão,   Itumbiara, Anhanguera e Emborcação. O rio Paranaíba é conhecido principalmente pela sua riqueza diamantífera e pelas grandes possibilidades hidrelétricas que apresenta.

Rio Araguaia
O Rio Araguaia é o principal afluente do rio Tocantins, nasce na serra do Caiapó, na divisa entre Goiás e Mato Grosso, numa altitude aproximada de 850 m. Corre quase paralelamente ao rio Tocantins e nele desemboca, após percorrer cerca de 2.115 km, na cota de 84 m. Os 450 km compreendidos pelo Alto Araguaia apresentam um desnível de 570 m. O médio Araguaia sofre um desnível de 185 m nos seus 1.505 km de extensão. O baixo Araguaia, nos seus últimos 160 km, até o foz, tem um desnível de 11 m.
A ilha do Bananal é um acidente importante no rio. Está situada, aproximadamente entre os km 760 e 1156 e compreendida entre os dois braços do rio Araguaia, possuindo uma área de cerca de 20.000 km2. O braço menor é chamado de rio Javaés.

Rio Corumbá
Rio Corumbá é um rio goiano, deságua no rio Paranaíba, tem varias PCHs e lindas cachoeiras.

Rio Paranã
Rio Paranã é um rio sinuoso e caudaloso, nasce no planalto central e deságua no rio Maranhão no estado do Tocantins, tem lindas corredeiras.

Rio Paranaguá - Foto: Rubens Alves - Goiás Turismo
Rio Paranaguá - Foto: Rubens Alves - Goiás Turismo
Rio Paranaguá - Foto: Rubens Alves - Goiás Turismo
Rio Paranaguá - Foto: Rubens Alves - Goiás Turismo
 Veja também
Em todo o estado, assumem grande importância as lagoas naturais e os lagos formados pelo barramento artificial dos rios para geração de energia elétrica ou abastecimento público. Estes lagos representam cerca...Saiba mais
O Parque preserva muito mais que as famosas cachoeiras de Pirenópolis (GO), principal destino turístico dos brasilienses nos fins de semana e feriados. Cidades da região guardam cavernas e grutas com riquezas...Saiba mais
Goiás é a terra de Cora Coralina e da chapada mais mística do Brasil abriga outra atração natural que convida seus visitantes a caírem n’água. Passada a temporada de chuvas no Centro-Oeste, essa é a hora de...Saiba mais
Destinos Goiás
Publicidade