O que fazer em Jericoacoara
Lagoa do Paraiso- Foto: Idobi (Licença-cc-by-3.0)
Lagoa do Paraiso- Foto: Idobi (Licença-cc-by-3.0)

Na bela Jeri, são encontrados inúmeros atrativos turísticos a serem explorados e dentre esses, selecionamos os quais consideramos como os mais importantes, além de interessantes:

Bugue até às lagoas Azul e do Paraíso
A lagoa de águas transparentes e areia fininha fica a meia hora de bugue de Jeri. A dica é curtir, primeiro, o lado rústico, na área conhecida como Lagoa Azul, que oferece passeios de jangada. Na hora do almoço, siga para a Lagoa do Paraíso - desfrute da culinária e finalize com um cochilo nas.

Duna do Pôr do Sol
O final de tarde é clássico em Jeri, levando turistas e nativos ao alto da duna do Pôr do Sol, no canto esquerdo da praia de Jericoacoara. Às cinco horas o movimento é intenso, já que por volta das cinco e meia o sol mergulha no mar. Ao longo do espetáculo, a duna, de 30 metros, muda gradativamente.

Noite de Jeri
A animada noite de Jeri começa na rua Principal, pertinho da praia, onde barracas de caipirinha abastecem nativos e turistas. De lá, a turma segue para os forrós, sambinhas ou bares com música ao vivo, que costumam terminar por volta das duas da manhã. Entre as opções, Forró da Dona Amélia, que acontece as quartas.

Wind e kitesurf
Considerada um dos melhores pontos do litoral brasileiro para a prática de esportes náuticos, Jeri e seus bons ventos acabam enfeitiçando quem chega até lá apenas para conhecer o paraíso. As escolinhas nas praias de Jericoacoara e do Preá ensinam as primeiras manobras para quem não tem intimidade com os equipamentos. 

Caminhada à Pedra Furada
A Pedra Furada, um dos famosos cartões-postais de Jeri, fica a trinta minutos de caminhada a partir da praia de Jericoacoara (seguindo à direita). No caminho, mergulhe na praia Malhada e faça amizade com os nativos que encontrar por ali - eles podem lhe mostrar as outras formações rochosas interessantes da área, como as pedras do Jacaré.

Bugue até a praia de Tatajuba
A praia de Tatajuba, um vilarejo de pescadores que foi soterrado pela areia e reconstruído na outra margem do rio, tem dunas enormes, coqueirais e mar calmo. Tem também lagoas de águas verdinhas como a Lagoa da Torta, contornada por barracas - destaque para a do Didi, com pescados fresquinhos. O passeio que leva.

Lagoa de Tatajuba.
É possível fazer tours diversos com os equipamentos, como a Lagoa da Torta, em Tatajuba. Para quem tem pouco tempo, a dica é o passeio até a lagoa do Cavalo Marinho, com cerca de duas horas de duração, passando pela praia de Mangue Seco.

Lojinhas de artesanato e de objetos de decoração espalham-se pela praia, ruas e vielas de Jeri. Nas vitrines, os destaques ficam para as bolsas, as luminárias, as bijuterias e as esculturas. As peças não têm preços muito em conta, mas valem pelo estilo e bom gosto. Não deixe de levar na mala - e... leia mais

Conheça mais sobre Jericoacoara
Destinos Ceará
Publicidade