'Ponta de Nossa Senhora' é a primeira praia do nordeste certificada com o selo 'Bandeira Azul'.

 18/10/2016  |  Postado por: Ramon Andrade
Praia Ponta de Nossa Senhora em Ilha dos Frades - Foto: Tatiana Azeviche - Setur-Ba
Praia Ponta de Nossa Senhora em Ilha dos Frades - Foto: Tatiana Azeviche - Setur-Ba

O tradicional passeio de escuna pela Baia de Todos os Santos, em Salvador, leva a um dos destinos mais paradisíacos da capital baiana, a Ilha dos Frades, onde fica a praia de Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe. Na última semana, um júri internacional, reunido em Copenhagen, na Dinamarca, concedeu a autorização para que a praia hasteie a Bandeira Azul, que certifica as praias sustentáveis em todo o mundo, na temporada 2016/17. Com essa conquista, Salvador, que já é Patrimônio Cultural da Humanidade, da UNESCO, torna-se a primeira cidade do Norte e Nordeste a ter uma praia certificada com o selo Bandeira Azul.

Todos os nove destinos turísticos nacionais inscritos para a temporada 2016/17 foram aprovados. Além da Praia de Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe, a Praia Grande, em Governador Celso Ramos (SC), e o Iate Clube de Santa Catarina, em Florianópolis (SC) também receberam autorização para a primeira temporada de Bandeira Azul, a partir de novembro. Os outros seis candidatos renovaram sua certificação: a Praia do Tombo, no Guarujá (SP); a Prainha, no Rio de Janeiro (RJ); a Praia de Palmas, em Governador Celso Ramos (SC), e a Praia da Lagoa do Peri, em Florianópolis (SC), além da Marina Costabella, em Angra dos Reis (RJ), e da Marinas Nacionais, no Guarujá (SP).

“Com esta certificação da Blue Flag, a cidade de Salvador passa a integrar um conjunto de destinos com praias certificadas e desta forma, espera poder atrair mais turistas internacionais para a nossa capital”, destacou o Secretário Municipal de Cultura e Turismo, Érico Mendonça.

A Bandeira Azul é considerada a mais importante da categoria em todo o mundo e é atribuída, anualmente, por uma organização não governamental às praias e marinas que cumprem um conjunto de 34 requisitos socioambientais, entre eles, limpeza, qualidade da água, ações ambientais e turismo sustentável. Com as novas certificações e renovações, Santa Cataria tem 4 bandeiras hasteadas, Rio de Janeiro e São Paulo duas, em cada estado, e Bahia uma bandeira azul.

Para ser certificada a praia ou marina deve passar por três instâncias de avaliação, começando pelo operador nacional do programa que encaminha a inscrição para o júri nacional e, finalmente, o júri internacional. No Brasil o programa é operado, desde 2004, pelo Instituto Ambientes em Rede, de Florianópolis. Outros sete candidatos pleiteiam atualmente o selo e encontram-se na fase piloto:

Praia do Remanso, Rio das Ostras – RJ (inscrito em 2015)

Lagoa do Iriry, Rio das Ostras – RJ (inscrito em 2015)

Praia de Itacoatiara, Niterói – RJ (inscrito em 2015)

Praia do Sossego, Niterói – RJ (inscrito em 2015)

Praia de Areia Vermelha, Cabedelo – PB (inscrito em 2015)

Praia da Bacutia, Guarapari – ES (inscrito em 2015)

Praia do Peró, Cabo Frio – RJ (inscrito em 2016)

Por: Ramon Andrade
Salvador / BA
Diretor Geral do Visite o Brasil.
VER TODAS NOTICÍAS
NOTICÍAS
Publicidade