Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanHindiItalianJapanesePortugueseRussianSpanish

Ministério do Turismo apresenta ações de retomada para entidade turística da Colômbia

 18/09/2021  |  Postado por: Redacao Visite o Brasil
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Segundo o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, o encontro é essencial para manter o bom relacionamento entre os países sul-americanos no que tange o intercâmbio turístico. 'A Colômbia é um dos principais emissores de turistas para o Brasil e vice-e-versa'.

O Ministério do Turismo realizou videoconferência na última quarta-feira (15.09) com membros da Procolombia – entidade encarregada de promover o turismo e o investimento estrangeiro na Colômbia. Representando a Pasta, o secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, William França, apresentou os impactos da pandemia no turismo brasileiro e as ações realizadas para a retomada do setor no país. Entre elas, foram destacados o selo “Turismo Responsável”, a liberação histórica dos R$ 5 bilhões em créditos, via Fungetur; e o Programa de Qualificação no Turismo.

Segundo o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, o encontro é essencial para manter o bom relacionamento entre os países sul-americanos no que tange o intercâmbio turístico. “A Colômbia é um dos principais emissores de turistas para o Brasil e vice-e-versa. É importante essa troca de informações para nos adequarmos às necessidades que o mercado trará durante e no pós retomada do nosso setor. Unidos, sairemos mais fortalecidos”, disse.

Publicidade: 
Passeios pela Baía de Todos os Santos. Guia turístico, grupo musical animando o passeio e cortesia de frutas na saída. Saídas diárias! Entre em nosso site www.centraldeescunas.com.br e solicite sua reserva!

Iniciando a apresentação, França destacou as principais tendências identificadas pelo Ministério do Turismo durante a pandemia, como a necessidade de protocolos de biossegurança, e a tendência do turismo de proximidade e do turismo de natureza. “Diante dessas tendências, produzimos uma campanha de promoção dos nossos destinos naturais com o intuito de retratar a importância da prática do turismo consciente, sustentável e seguro neste momento de retomada. Além disso, pretendemos dar maior visibilidade a destinos pouco conhecidos pelos brasileiros”, destacou o secretário.

Outro ponto destacado foi a liberação do crédito de R$ 5 bilhões, via Fundo Geral do Turismo (Fungetur), para socorrer o setor durante a pandemia. Segundo França, a ideia foi garantir a manutenção das empresas e empregos do setor. O selo “Turismo Responsável” também foi destacado durante a apresentação. O Brasil foi um dos dez primeiros países a adotar protocolos sanitários para os empreendimentos e trabalhadores do setor. Até o momento, o número de negócios com o certificado já ultrapassa os 29,6 mil.

Também foi apresentado o auxílio encaminhado aos artistas do país por meio da lei “Aldir Blanc”, as campanhas publicitárias “Não Cancele, Remarque” e “Redescubra o Brasil”, e a promulgação de lei que regulamenta o cancelamento e a remarcação de ingressos e pacotes turísticos. “Atuamos junto ao Ministério da Justiça e Segurança Pública na defesa do consumidor que teve seus produtos turísticos e culturais fortemente afetados pela pandemia”, finalizou.

Mtur
Victor Maciel

Por: Redacao Visite o Brasil
Salvador / BA
TAGS:  ,  
VER TODAS NOTICÍAS
NOTICÍAS
Publicidade