Fórum debateu os impactos da pandemia no turismo religioso

 27/06/2020  |  Postado por: Redação Visite o Brasil
Crédito: Marco Ankosqui/MTur
Crédito: Marco Ankosqui/MTur

Os roteiros de fé e peregrinação são fortes incentivadores de pequenos negócios e investimentos, movimentando economias locais em setores como indústria, comércio, serviços e artesanato, com geração de emprego e renda em todas as regiões do país. 

Os impactos da pandemia do novo coronavírus no Turismo Religioso foi tema da 4ª edição do Fórum Nacional do segmento, que começou quarta-feira (24.06). Neste ano, o evento foi transmitido no facebook e youtube do Fórum e contou com a participação de membros da academia, jornalistas e empresários desse setor que é um dos principais do país. De acordo com o Departamento de Estudos e Pesquisas do Ministério do Turismo, anualmente são feitas 17,7 milhões de viagens domésticas movidas pela fé (turistas, sem contar excursionistas). 

Para um dos organizadores do evento, Sidnésio Moura, o momento é propício para que se discuta o futuro do segmento no país, visto a sua importância para todo o setor. “O Turismo Religioso é um segmento dentro do Turismo que está em ascensão. Desde o ano de 2015, o Brasil buscou voltar sua atenção para este segmento. Daí a necessidade do Fórum Nacional de Turismo Religioso para debater os caminhos do Turismo Religioso no Brasil”, destacou. 

Entre os convidados do fórum, estão um dos principais líderes ciganos mundial, Zarco Fernandes; o presidente da Associação Muçulmana do Rio Grande do Norte, Muhamad Taufik; o coordenador da Pastoral do Turismo Nacional, padre Manoel Filho; e o professor doutor em Turismo e Hospitalidade, Eduardo Taborda. Além dos palestrantes, os interessados tiveram uma mesa de debate sob o tema “As Religiões e o Turismo Religioso”, que foi moderada pelo co-presidente da Missão Somos Um e Fundador da Comunidade Católica Coração Novo-RJ, Izaias Carneiro 

Os roteiros de fé e peregrinação são fortes incentivadores de pequenos negócios e investimentos, movimentando economias locais em setores como indústria, comércio, serviços e artesanato, com geração de emprego e renda em todas as regiões do país. O Brasil conta com diversos eventos e atrativos religiosos que arrematam multidões e há casos em que duas ou mais religiões se misturam num mesmo evento. Se fizermos um tour pelo turismo religioso no Brasil, vamos perceber a diversidade de opções que o país oferece.

Mtur
Victor Maciel

 

Por: Redação Visite o Brasil
Salvador / BA
TAGS:  ,  
VER TODAS NOTICÍAS
NOTICÍAS
Publicidade