Mais Folclore no Brasil

Manguebeat
Nos anos 90 surgia em Pernambuco o Manguebeat, movimento da contracultura que mistura ritmos regionais, como o maracatu, com rock, hip hop, funk e música eletrônica. O movimento tem como principais críticas o abandono econômico-social...Saiba mais

Maracatu Nação
Maracatu Nação é uma manifestação cultural da música folclórica pernambucana afro-brasileira. É formada por uma percussão que acompanha um cortejo real. Como a maioria das manifestações populares do Brasil, é uma mistura...Saiba mais

Maracatu Rural
O Maracatu Rural é outra manifestação cultural de Pernambuco, na qual figuram os conhecidos caboclos de lança. É conhecido também como Maracatu de Baque Solto. Distingue-se do Maracatu Nação ou Maracatu de Baque Virado em organização...Saiba mais

Baião
O Baião teve como precursor o pernambucano Luiz Gonzaga. O ritmo, ao lado de outros como xote, xaxado e côco, faz parte do chamado forró. Vários artistas deram continuidade ao legado de Luiz Gonzaga, como é o caso de Dominguinhos...Saiba mais

Xaxado
O Xaxado é uma das principais danças típicas do sertão/agreste pernambucano. Exclusivamente masculina, originária do sertão de Pernambuco e, segundo Luís da Câmara Cascudo (Dicionário do Folclore Brasileiro), divulgada até regiões...Saiba mais

Cabocolinhos
Os Cabocolinhos, é uma dança introduzida pelos missionários catequistas. O número de participantes (meninos), varia de doze a vinte. É um bailado mímico onde o adulto faz o papel de rei ou mestre, o “caboclo velho “. Os instrumentos são...Saiba mais

Frevo
Originalmente, o frevo surgiu na cidade do Recife, capital do estado de Pernambuco, entre o final do século XIX e início do século XX, como um ritmo carnavalesco nascido a partir das marchinhas de Carnaval, com influência da polca russa, de alguns...Saiba mais
Dança de origem amarantina. Cavaleiros e damas formam pares e em círculo, ao som da música, vão trotando como se fossem cavalos mancos: “Ora o meu cavalo é piancó Ora o meu cavalo é piancó Ora o meu cavalo é piancó Bonito pra vadiar Cavaleiro troca o par...Saiba mais

Reisado
É um bailado popular dançado em todo o Estado, no período que vai do Natal ao Dia de Reis, com um elenco composto por 4 a 6 Caretas, a Burrinha, o Boi, o Jaraguá, a Cigana, a Ema, a Arara, o Caipora, o Cabeça-de-Fogo...Saiba mais
Cantiga religiosa precedida por um ritual composto por duas fileiras de homens e mulheres movimentando-se em frente ao altar, ora em forma de círculo, ora em forma de cruzeiro, reverenciando o santo e...Saiba mais
Cortejo religioso que sai pelas casas, portando bandeira, cantando, rezando e angariando esmolas. É um espetáculo de fé, ritmo e cultura. Oeiras e Simplício Mendes são os municípios que mais se destacam na realização...Saiba mais
Ritual de caráter religioso, composto por duas filas de pastorinhas. Como personagem tem as Ciganas, as Princesas e a Florista ou a Borboleta. Nesta versão, aqui apresentada, o cortejo entra na igreja e...Saiba mais
É uma festa popular em fase de extinção no Piauí. Somente em Parnaíba e Campo Maior ainda existe timidamente. Encena a história de uma nau perdida no mar e sobre o desenrolar da viagem que teve um final feliz graças a...Saiba mais
O Bumba-Meu-Boi, também conhecido como Boi de São João ou simplesmente de Boi é um dos principais folguedos do Piauí. Retrata a história de Catirina, a mulher de Chico Vaqueiro, que, estando gestante, desejou...Saiba mais
A colonização do Piauí foi feita no rastro das boiadas. Ainda hoje o boi é um dos principais sustentáculos da nossa economia e uma das presenças vivas do nosso folclore. Além das várias versões do Bumba-Meu-Boi...Saiba mais
Publicidade