Festas Populares no Centro Oeste
Procisão do Fogaréu - Foto: Universidade Católica de Goiás
Procisão do Fogaréu - Foto: Universidade Católica de Goiás
Procissão do Fogaréu
Uma das cerimônias mais tradicionais do Estado, a Procissão do Fogaréu acontece há 260 anos, na Cidade de Goiás, por ocasião da Semana Santa. Ritual que mistura religiosidade e folclore, a Procissão do Fogaréu teria chegado ao Arraial de Sant’Anna (que deu origem à Cidade de Goiás) durante a exploração do ouro pelos portugueses. A primeira Semana Santa no local teria sido organizada pelo padre João Perestelo de Vasconcelos Espíndola, em 1745....Saiba mais
Mais Festas Populares no Centro Oeste
Uma das cerimônias mais tradicionais do Estado, a Procissão do Fogaréu acontece há 260 anos, na Cidade de Goiás, por ocasião da Semana Santa. Ritual que mistura religiosidade e folclore, a Procissão...Saiba mais
De 5 a 15 de agosto, o alvo do turismo goiano é Niquelândia (a 360 quilômetros de Goiânia), em cujo povoado (Muquém) acontece a festa em louvor de Nossa Senhora da Abadia. Anualmente há um fluxo...Saiba mais
A Festa do Divino Pai Eterno, em Trindade (a 18 quilômetros de Goiânia) é uma das mais importantes do Estado. A romaria teria começado em 1840, no arraial de Barro Preto, que deu lugar ao município, onde...Saiba mais
A Congada de Catalão é uma das festas mais antigas de Goiás. Acontece há 125 anos. A festa divide-se em duas partes: a religiosa, com missas, procissão e terço, e a folclórica, que consiste em apresentação...Saiba mais
Palmeiras de Goiás também é palco das tradicionais cavalhadas, que acontecem em maio. A festa, que retrata o confronto entre mouros e cristãos, chama a atenção pela beleza e pelo colorido dos trajes (cristãos,...Saiba mais
Uma festa de cores e muita beleza. Assim é a Exposição Nacional de Orquídeas, que acontece anualmente em maio (no terceiro final de semana), em Piracanjuba. O evento se realiza há cerca de 20 anos e reúne...Saiba mais
A festa em louvor de Nossa Senhora do Pilar, em Pilar de Goiás, é uma das mais antigas do Estado. Há registros que remetem ao ano de 1690, quando acontecia a celebração em Minas Gerais e no Nordeste...Saiba mais

Dança do Congo
Dedicada a São benedito, a Dança do Congo ou Congada é de origem autenticamente africana. Em Mato Grosso, é uma manifestação que ocorre tradicionalmente em duas cidades: Vila Bela da Santíssima...Saiba mais

Cururu
O Cururu é um canto primordial do folclore mato-grossense. A cantoria do cururu se classifica em sacra e profana. A sacra, também chamada de função ou porfia, tem função religiosa e foi criada por fiéis...Saiba mais

Siriri
O siriri é uma das danças mais populares do folclore mato-grossense. Praticada na cidade e na zona rural, tem presença indispensável em festas, batizados, casamentos e festejos religiosos. É uma dança...Saiba mais

Festa do Divino
Celebrado em diversos municípios de Mato Grosso, a Festa do Divino é representada pela Pomba, símbolo da paz, que figura em grandes bandeiras de cetim vermelho e branco. Os festeiros, responsáveis...Saiba mais

Festa de São Benedito
É importante lembrar que a festa de São Benedito (geralmente realizada na última semana de julho, e com encerramento no 1º domingo de julho), apesar de ter características semelhante à do Senhor...Saiba mais

Boi à Serra
Em várias regiões do Brasil encontramos manifestações folclóricas que falam sobre a vida e a morte de bois bravos e vaqueiros destemidos. Temos, no Maranhão, o Boi-à-Serra; em Santa Catarina,...Saiba mais
Posteriormente, ao longo dos anos, se tornou popular, pois os escravos tinham São Benedito como símbolo de luta e da fé. Do ano de 1922 até 1944, a festa começou a ser feita em casarões antigos de Cuiabá, mas no ano seguinte, voltou a ser realizadSaiba mais
A festa São Gonçalo Beira Rio reune centenas de pessoas é de uma comunidade ribeirinha formada por artesãos e ceramistas, localizado na região do bairro Coxipó, em Cuiabá. Esta festa é realizada há mais de 50 anos e sua origem se deuSaiba mais
Publicidade